Por trás da magnificência de uma toga há, na essência, sempre, um homem, igual a qualquer outro, repleto de anseios, angústias, esperanças e sonhos.

18 de dezembro de 2010

A testemunha Berlinense


No início de sua carreira na magistratura, um colega do Judiciário do Tocantins foi colher o depoimento de uma testemunha. Era um jovem agricultor. O rapaz chegou muito agitado e foi logo se justificando:
- Doutor é a primeira vez que estou aqui. Eu nunca pisei num fórum!
- Mas o senhor estar aqui não é nenhum demérito, nenhuma coisa vergonhosa. É apenas testemunha do caso. Poderia me dizer seu nome completo?
- Fulano de Tal.
- Pois bem. E o senhor mora onde?
- Em Berlim.
- Fazenda Berlim? – a testemunha fez uma cara de constrangimento, mas silenciou.
O juiz, que estava há pouco tempo na comarca e não conhecia a região, pediu que constasse no termo:
- Reside em Berlim...
Aí a testemunha falou baixinho, em tom de quase confissão:
- Não, doutor, resido em Berlim – repetindo o nome da cidade.
O juiz não entendeu. Era Berlim mesmo o nome da localidade. Virou-se, então, para o Oficial de Justiça, que conhecia muito bem a região e o socorria como “tradutor” do linguajar interiorano.
- Doutor, nunca ouvi falar. Não é cidade da região – foi logo dizendo o oficial de justiça.
- Vou fazer constar aqui que o senhor mora em Berlim. Eu sei que não é na Alemanha... E é uma cidade aqui perto?
- É, doutor.
- Berlim, próximo aqui da Comarca... – disse o juiz para a digitadora.
- Não, doutor, não é Berlim – falou a testemunha. É Berlim.
Nesse vai-e-vem de Berlim ou não Berlim, o juiz respirou fundo, olhou para a testemunha e perguntou:
- O senhor está nervoso?
- Tô.
Milton então postou sua mão sobre o braço da testemunha e, em tom paternal, disse:
- Pois então respira. Respira, respira, para um pouco e responde bem devagar, meu senhor. Qual o nome da tua cidade?
- Breslim?
- Mais devagar... Respira mais um pouco...
- Brejo Limpo!

3 comentários:

  1. coitado... mas o nervosismo estava grande mesmo pq confundir Berlin com Brejo limpo...hehehehe.

    ResponderExcluir
  2. coitado... mas o nervosismo estava grande mesmo pq confundir Berlin com Brejo limpo...hehehehe.

    ResponderExcluir
  3. Bom dia, Dr. Rosivaldo!Como sempre, é um enorme prazer poder visitar o seu blog e poder desfrutar de dos seus escritos. Vou, porém, fugir um pouco do tema da postagem para dizer que o ano de 2010 foi por demais gratificante pelo fato de tê-lo conhecido. Assim, desejo a você e todos os que o cercam as mais ricas e belas realizações para 2011. Que Jesus nos abençoe. Abs.

    ResponderExcluir

IDENTIFIQUE-SE E FIQUE À VONTADE PARA COMENTAR. SOMENTE COMENTÁRIOS ANÔNIMOS NÃO SERÃO ACEITOS.